BLOG

Prematuridade e Idade Corrigida: O que significam?

Texto por: Lucas Villalta – Fisioterapeuta e Osteopata Você já ouviu falar em “idade corrigida” ou “ajuste para prematuridade”? Se você tiver um bebê prematuro, poderá ver isso em sites e conteúdo sobre desenvolvimento infantil. Você também pode perceber que seu bebê prematuro está “atrasado” em alguns de seus marcos com base na idade cronológica. É […]

2 de fevereiro de 2021
idade-corrigida

Texto por: Lucas Villalta – Fisioterapeuta e Osteopata

Você já ouviu falar em “idade corrigida” ou “ajuste para prematuridade”? Se você tiver um bebê prematuro, poderá ver isso em sites e conteúdo sobre desenvolvimento infantil. Você também pode perceber que seu bebê prematuro está “atrasado” em alguns de seus marcos com base na idade cronológica. É por isso que a idade corrigida é tão importante para calcular e usar para rastrear seus marcos. Saiba mais abaixo!

Primeiro, quando um bebê é considerado prematuro?
• Um bebê é prematuro, também conhecido como pré-termo, se nascer com 37 semanas ou antes. Eles são prematuros intermediários se nascerem com 28 a 32 semanas, e prematuros extremos se nascerem antes das 28 semanas. Se seu filho nasceu com 37 semanas ou antes, você deve considerar monitorar seus marcos com base em uma idade corrigida, em vez de sua idade real.

Então, o que significa “ajustar para prematuridade”? Isso também é conhecido como idade corrigida e significa que você está rastreando os marcos de seu filho não pela idade real, mas pela idade que ele teria se tivesse nascido na data prevista.

Como você se ajusta à prematuridade? O ajuste é feito considerando duas datas importantes: a idade gestacional do bebê e a data de nascimento do bebê. Primeiro, em termos de semanas, considere quantos anos seu bebê realmente tem. Digamos que seu bebê nasceu em 1º de junho e hoje é 1º de setembro. A idade real de seu bebê é cerca de 3 meses, ou 13 semanas.

Em seguida, considere o quão cedo seu bebê chegou em comparação com a data prevista para a mãe. Digamos que a data prevista de nascimento fosse 1º de agosto. Se seu bebê nasceu em 1º de junho, ele chegou cerca de 2 meses ou 9 semanas antes.

Para encontrar a idade corrigida para seu bebê, basta pegar a idade real e subtrair as que faltavam para a data prevista de nascimento. No exemplo acima, se o seu bebê tem na verdade 13 semanas, mas nasceu 9 semanas antes, a idade corrigida é 4 semanas ou cerca de 1 mês.

Por que é importante se ajustar à prematuridade? A idade corrigida ou ajustada dá a você uma ideia melhor de como seu bebê está acompanhando seus marcos. Você não precisa se ajustar à prematuridade ao longo de toda a infância, mas isso lhe dará uma imagem mais clara de quando eles devem atingir seus marcos nos primeiros 2 anos.

O que isso significa para os marcos do seu bebê? Isso pode significar que, apesar de estar abaixo da idade real, seu bebê ainda está no caminho certo. Por exemplo, se a idade real do seu filho é 3 meses, mas a idade corrigida é 1 mês, então não se deve esperar que ele cumpra todos os marcos de 3 meses ainda. Eles podem não conhecer todos eles até que sua idade corrigida seja 3 meses, e sua idade real seja em torno de 5 meses.

Claro, cada bebê é diferente. Se você tiver alguma dúvida sobre a idade do seu filho e seus marcos, pode entrar em contato conosco para podermos ajudá-la a determinar exatamente onde o bebê deve estar.

 

Quer receber mais conteúdos exclusivos semanalmente sobre assuntos como esse e outros? Preencha nosso formulário abaixo:

Depoimentos

Minha doula, Karen, que me mostrou que muitos “nãos” podem ser convertidos em um único “sim”. Aquele que terá valor para o resto de sua vida, como a fênix faz a mulher renascer das cinzas, que faz adormecer a mulher fragilizada, para dar espaço a mulher dona de si, do seu destino e mãe. E que fez tudo para que isso acontecesse de uma forma serena, cheia de luz e paz. Para você, querida, que foi meu porto seguro, que fez tudo e que viveu minha perda e tornou isso a maior conquista e descoberta da minha vida: Todo amor que houver nessa vida.

Marilene Pereira

A drenagem linfática sempre me ajudou desde antes da gestação, mas principalmente durante ela, quando os inchaços são mais constantes. Além disso, contar com uma profissional bem atualizada me deixa bastante tranquila em relação ao parto (Karen será minha doula), sem contar todo o acolhimento recebido.

Juliana Ferraz

Conheci a Pamela este ano e recebi um enorme benefício para meu corpo e minha saúde. Sua conduta é profissional de grande qualidade, dedicação e seriedade, sempre preocupada em estudar a saúde de cada paciente em particular. Indico sempre seu trabalho!

Liliana

Bem , conhecer a Karen foi um prazer para mim , Gio e nosso filho Pedro . Iniciamos o preparo perineal com ela no terceiro trimestre de gestação com uma consulta atenciosa e profissional na clinica Healize. Tive uma dedicação da Karen desde o primeiro contato, e eu mesmo sendo médica precisei de muitas informações para meu desempenho no parto. Mesmo com o preparo que nosso corpo nos dá para o parto , a massagem perineal e o uso do EPi nos deixaram seguras frente ao trabalho de parto. O Pedro nasceu de 39 semanas e 3 dias de parto normal sem ipisiotomia sem nenhuma laceração em meu períneo , isso nos deixou muito gratas com o atendimento recebido na Healize.

Carolina Cresciulo

Tenho 68 anos e há 2 anos atrás não estava bem, com o corpo todo enrijecido, fortes dores me impossibilitando de andar ou subir degraus, foi quando decidi experimentar o Pilates, foi a minha cura. Gostaria de dizer que o Pilates tem que ser muito bem orientado e bem acompanhado, o que encontrei na Healize, com uma profissional séria, competente e que está sempre se atualizando com cursos e estudos.

Aidir Maria